14 de fev de 2013

No divã: Como superar o primeiro amor?


          “O primeiro amor a gente nunca esquece”. Quem nunca estremeceu ao ouvir essa frase e pensou “droga, vou lembrar desse idiota para sempre”? Existem alguns ditados populares que são verdadeiros, mas eu particularmente não acredito nesse. Realmente, eu nunca esqueci meu primeiro amor. Mas também nunca esqueci o segundo, o terceiro, o quarto... Para mim, cada amor é inesquecível. Cada um com sua particularidade acaba formando a história da nossa vida, e coisas assim a gente simplesmente não esquece.
         Meu namorado detesta isso, mas eu ainda tenho guardadas as cartas que recebi do meu ex. Não consigo jogá-las fora, não porque eu ainda tenho algum sentimento por ele – longe disso! – mas sim porque aquelas cartas contam um pedacinho da minha história. Seja ela boa ou ruim, me ajudou a amadurecer, a me fortalecer. Reler me lembra momentos felizes da minha vida que ajudaram a construir a pessoa que sou hoje.
          Então, se você quer superar seu primeiro amor tem que botar na cabeça primeiro uma coisa: acabou! Mas isso não é motivo para você querer apagar isso, arrancar essa página da sua vida. Lembre que é com os erros que nós aprendemos, e é de relacionamentos que não dão certo que você pode tirar aprendizagens para fazer o próximo dar certo.
          Não fique ouvindo Adele e chorando trancada no seu quarto até pra sempre. Concordo que essa fase do pós-relacionamento é extremamente importante, mas um dia ela tem que parar. Um dia você terá que acordar e simplesmente não sentir mais vontade de chorar. Levantar o rosto e seguir seu dia, seguir sua vida. Evite pensar nele, no motivo do termino e em coisas tristes. Se foque mais nas coisas boas. Não estou dizendo que ao invés de lembrar das brigas você deve lembrar dos beijos. Estou dizendo para você tentar olhar a situação por outro ângulo. Tentar tirar coisas boas de um acontecimento ruim. Por exemplo, se ele nunca tivesse te traído, como você iria aprender a stalkear alguém? E se ele não tivesse sido grosso com você, como você aprenderia a lidar com isso no seu próximo relacionamento? Se vocês não tivessem terminado, como você iria conhecer o seu segundo amor?
          Tudo na vida é aprendizagem. Foi bom enquanto durou, mas infelizmente acabou. Agora você precisa parar de olhar o facebook dele e superar. E a palavra superar não significa apagar esses dias da sua memória. Significa sorrir e seguir em frente. Juntar na sua bagagem um monte de lembranças de dias felizes e um monte de aprendizagens dos dias tristes e se preparar para novos amores. A vida é feita de autos e baixos, começos e fins. É um ciclo vicioso. Mas só cabe a você tirar nesses fins a coragem para recomeçar.

Se você tiver uma ideia ou sugestão de tema para o próximo post do No Divã, não deixe de comentar aqui e dar sua opinião, ou mandar um e-mail para o blog nos contando sua sugestão, sua história, suas dúvidas, seus problemas... Ficarei feliz em tentar ajudar.

Um comentário:

  1. Olá, estou sorteando uma bolsinha com estampa de Paris. Venha participar:
    http://www.alemdemim.com/2013/02/sorteio-bolsa-paris.html

    ResponderExcluir

O que você achou sobre isso?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...