7 de abr de 2012

already...



Já passei horas diante do espelho tentando descobrir quem sou... 
Já passei noites chorando até pegar no sono...
Já fui dormir tão feliz ao ponto de mal conseguir fechar os olhos...
Já acreditei em amores perfeitos... 
Já descobri que não existem... 
Já admirei pessoas que mais tarde me decepcionaram... 
Já decepcionei pessoas que me amavam... 
Já menti e me arrependi depois... 
Já contei a verdade e também me arrependi depois... 
Já escondi um amor por medo de perdê-lo... 
Já perdi um amor por escondê-lo... 
Já segurei nas mãos de alguém por estar com medo... 
Já tive tanto medo ao ponto de não sentir minhas mãos... 
Já expulsei pessoas que amava da minha vida... 
Já implorei por sua volta... 
Já fingi não dar importância a pessoas que gostava, pra depois chorar sozinha sentindo sua falta... 
Já sorri derramando lágrimas de tristeza...
Já chorei de tanta alegria...
Já contei piadas e mais piadas sem graça só pra um amigo parar de chorar...
Já inventei histórias de final feliz para dar esperança a quem precisava... 
Já sonhei demais ao ponto de confundir com a realidade... 
Já me fiz de forte para ajudar quem fraco estava...
Já caí inúmeras vezes achando que não conseguiria me reerguer...
Já me reergui inúmeras vezes achando que não cairia mais...
Já liguei pra quem não queria só pra não ligar pra quem realmente queria...
Já corri atrás de um carro, porque ele levava embora alguém que eu amava...
Já chamei pela mamãe no meio da noite porque tive pesadelo,
Mas ela não aparecer foi um pesadelo ainda maior...
Já chamei pessoas próximas de “amigo” e descobri que não eram...
Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada e sempre me apoiaram sinceramente...
Já recebi telefonemas que duraram mais de 5 horas e não resultaram em nada...
Já recebi telefonemas de um minuto que me fizeram ganhar o dia... 
Já acordei as 3h da manhã com fome e fiz uma bela macarronada...
Já tive um esconderijo secreto onde sempre me refugiava quando estava triste...
Já tive vontade de fugir pra muito longe...
Já tive vontade de voltar correndo ao meu lugar...
Já vivi dias em que não queria voltar pra casa...
Outros que não queria sair de casa...
Já acreditei em pessoas que não valiam a pena... 
Já deixei de acreditar nas que realmente valiam...
Já tive crise de riso quando não podia...
Já quebrei vasos, pratos e copos de raiva...
Já senti muita falta de alguém mas nunca lhe disse...
Já gritei quando devia me calar...
Já fiquei em silêncio, quando era necessário falar...
Muitas vezes deixei de falar o que penso, para não magoar outros...
Fui magoada muitas vezes por pessoas que falaram sem pensar...
Já fingi ser o que não sou, para agradar uns...
Já fingi ser o que não sou, para desagradar outros... 


(Fragmentos de Clarisse Lispector)

xx

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você achou sobre isso?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...